Pesquisa neste blog =D

21.5.09

Amigdalas

Há algum tempo minhas amigdalas tem dado problemas. Eu tenho uma "doença" que se chama "Amigdalite Crônica Caseosa" (segundo este site, isso nao eh considerado, na verdade, uma doença, mas como eu sou leigo, vou continuar me dizendo doente :P). Meu médico até disse que tem solução alternativa a tirar as amigdalas, mas como eu sou muito relaxado pra tomar remédios, acabo nao seguindo o tratamento. A idéia eh tratar da renite.

Eu sei que parece super bizarro achar que renite pode causar inflamações nas amigdalas (quando o médico me contou eu fiquei meio desconfiado). Mas, segundo meu médico, por causa da renite, é normal que eu sempre respire pela boca. Respirando pela boca, os resíduos dos alimentos que eu comi, que estavam na minha boca ainda (mesmo que eu escove os dentes a boca nunca vai ficar 100% livre de resíduos), se deslocam e se acumulam nas "criptas amigdalíticas" (para que nao sabe: criptas = cavernas; amigdalíticas = das amigdalas; são buracos nas amigdalas), um lugar quente e úmido, propício para as bactérias se acumularem, formarem colônias e putrefarem os ditos resíduos. Esse processo faz com que se criem "pedrinhas" fétidas brancas ou amareladas que, quando ficam muito grandes, fazem a garganta inflamar, alem de sairem pra fora (pleonasmo) da amigdala, causando um baita* (*pra não usar palavrões de intensidade) desconforto.

Dessas "pedrinhas" que vem o nome da "doença". Caseosa deriva de caseus, queijo, no latim. Não sei daonde que eles acharam as pedrinhas parecidas com queijo. Mas tá né... essa gente q dá nome pras coisas é sempre muito retardada :P

Enfim... com todo esse problema, estamos pensando seriamente em operar as amigdalas e removê-las =D Segundo médicos (e todas as pessoas que eu conheco que tiraram as amigdalas) é uma cirurgia tranquila, sem misterios e sem riscos. Eu tenho um medo horrivel de cirurgias, sempre quis ficar longe delas, mas se resolver meu problema, acho que fico tranquilo. Num futuro breve eu arrumo alguem pra controlar meus remédios pra tratar a renite (mãe, vó, amo voces =D).

Minha mãe, (acho que) tentando se informar sobre essa cirurgia sobre amigdalas, me mandou um texto bem interessante no msn. Li o texto e me interessei em copiar pra colar aqui. Faz bem o 'estilo' do blog. Interessante o autor: Ricardo Gondim. É um dos que eu considero da lista de pastores com pensamentos coerentes. Eu li só um livro dele, e alguns textos no blog. Mas o livro que eu li foi bem conclusivo pra me fazer admira-lo (por favor, acrescento de novo... não 'louvo' nem 'adoro' o pastor nesse sentido amplo, só considero ele como alguém que Deus favoreceu).

ae vai o texto:

Igrejas Infectadas

Aos 25 anos de idade, depois de várias febres, muita rouquidão e um péssimo hálito, dei o braço a torcer e aceitei que o médico operasse as minhas amídalas. Resisti o quanto pude porque sabia que as amídalas existem para proteger as vias respiratórias. Contudo, o médico conseguiu me convencer de que as minhas estavam imprestáveis; tão infectadas que já não protegiam, mas contaminavam o resto do organismo. Só restava uma opção: arrancá-las fora. A partir daquele dia, aprendi que um órgão – qualquer um – pode perder a sua função original e passar a atacar o corpo.
Nas relações humanas e sociais acontece o mesmo. Quando se perdem as finalidades originais, morrem casamentos, empresas, igrejas. Serve o exemplo da família: pai e mãe devem oferecer um ambiente em que os filhos aprendam a ter confiança, segurança, dignidade. Mas quando acontecem muitas brigas com ódio, quando falta paz, aquela família perde a função de fomentar auto-estima e segurança. Assim, deixa de ajudar e passa a desajustar as crianças.

As religiões também podem virar amídalas infectadas. Bastar ver na história. Inúmeras igrejas criaram ambientes doentios e desumanizadores, quando deviam ser espaços de humanização. Devido ao meu site (www.ricardogondim.com.br), recebo milhares de mensagens sobre assuntos variados; a grande maioria, entretanto, pede ajuda. Muitos não suportam os sermões vazios com promessas mirabolantes e ameaças de maldição. Entristeço, mas fica óbvio para mim que as lógicas e práticas da igreja evangélica não conseguem responder às complexidades do século 21. Os espaços evangélicos estão febris.

É preciso detectar, rapidamente, onde a infecção se tornou aguda para combatê-la com doses maciças de antibióticos espirituais e éticos; com um bom diagnóstico, não será preciso operar o foco da contaminação e ainda preservar o organismo.
Estão infectadas as igrejas que priorizam programas, e não relacionamentos. Jesus não tratou a “Igreja” como uma instituição, mas como uma comunidade. Igreja são mulheres e homens com um estilo de vida nobre, verdadeiro, que inspiram os outros a glorificar a Deus. Portanto, para o seu eterno propósito dar certo, Jesus não precisa de eventos sofisticados, basta que seus seguidores amem-se uns aos outros.

Estão infectadas as igrejas que priorizam poder, e não serviço. Nas Escrituras, poder só tem sentido quando mobiliza para a solidariedade, compaixão, humildade. A busca do poder pelo poder é luciferiana em sua essência. Jesus criou o mundo, mas se esvaziou, encarnou e morreu numa cruz. Os cristãos não almejam tronos, mas bacia e toalha para lavar os pés alheios. Sem esperar aplausos, sentem-se privilegiados em servir.

Estão infectadas as igrejas que priorizam espetáculo e não discrição. Jesus ensinou que não se devem cobiçar os primeiros lugares; considerou que a autêntica piedade acontece num quarto de portas fechadas; falou que a mão esquerda não deve conhecer o que a direita oferece. Quando Jesus ressuscitou uma menina, respeitou a privacidade da família e não deixou que estranhos entrassem para testemunhar o milagre. Sobram exemplos de seu recato. Certamente, Jesus não se agrada de saber que alguns tentam transformar a fé num show.

Estão infectadas as igrejas que priorizam milagre, e não coragem existencial. Paulo considerou tudo como esterco pela excelência do conhecimento de Cristo – esse, somente esse, deve ser o alvo da espiritualidade cristã. Não se cultua a Deus para descobrir um jeito certo de “alcançar milagre” ou para ter uma fé mais “eficiente”. No culto, celebra-se o amor gratuito e unilateral de Deus. O Evangelho é boa notícia porque todos são aceitos sem exigências. Deus quer bem sem fazer distinção; não se ganha o favor de Deus com obras. Graça é o chão onde todos podem alicerçar a vida com liberdade e sem culpa. O cristão não precisa que Deus conserte as dificuldades da vida, basta a sua companhia.

O Apocalipse foi taxativo com uma igreja infectada: “Lembre-se de onde caiu! Arrependa-se... Se não se arrepender, virei a você e tirarei o seu candelabro do lugar dele”. Nunca os evangélicos precisaram ouvir tanto esta exortação como agora.
*Ricardo Gondim

______________________
escrevendo na hora do almoço, com pizza no colo e pepsi ao lado do pc :P
Porque Pepsi rulez xD
Peace on you

7 comentários:

  1. jean... não estava procurando não sobre amigdalite... esse blog eu tenho nos meus favoritos lá na empresa a um tempão e leio qdo posso...e casulamente era sobre isso... hehehheheheh
    então resolvi te mandar... é uma benção os textos...
    bjus e tbm te amo...

    ResponderExcluir
  2. o mae, comentou usando a minha conta ¬¬
    UEAHAUHAEUH
    na proxima primeiro da logout no meu usuario depois comenta =D

    ResponderExcluir
  3. Euehuehe ai ai ai mamãe! :P

    Amigdalite Crônica Caseosa, euheuheue, bem característico o nome, depois da explicação etimológica de 'caseosa' <= caseus = queijo, mas queijo pode ser branco ou amarelado e alguns tem uns buraquinhos e formação amorfa e, quando apodrecido parece (lembram) muito bem as "pedrinhas fétidas" = pus solidificado. Eca!

    Ow texto muito bom tanto o teu quanto o de Ricardo Godim.
    Keep on!

    ResponderExcluir
  4. o melhor remédio mesmo é a cirurgia....

    ResponderExcluir
  5. Por favor alguém me ajude,alguém conhece um medico otorrino que faz esta cirurgia a laser no Rio de Janeiro,se alguém ai já fez esta cirurgia por favor me diga como foi,e quanto custou,e se resolveu definitivamente o problema com amigdalite cronica.Deixo aqui o meu e-mail para contatos se possível made-me respostas ainda hoje SOCORRO ALGUÉM ME AJUDE PRECISO VIVER. cristianocunha10@hotmail.com

    ResponderExcluir
  6. Cara adorei esse texto.. Qnd procurei estava pensando em tantas coisas ruins que isso poderia ser e quando li aqui me tranquilisei! Obg.

    ResponderExcluir

Dá um apoio moral pro blogueiro aqui.
Comenta aí ó: