Pesquisa neste blog =D

27.9.09

Doenca

Desde a semana passada eu estou doente. A principio era só um 'resfriado'. Depois a garganta inflamou e desbanquei numa amigdalite. Fiquei com febre alta, mal estar, moleza e engolia muito dificilmente. Pra comer era uma briga :P

E pra piorar a vida essa semana era uma semana de muitas provas e trabalhos. 3 provas e 3 trabalhos no curso técnico e mais a temida prova de Calculo 2.

Era muito óbvio que do jeito que eu estava não conseguiria estudar pra prova de Calculo direito (e tinha MUITO pra estudar). Eu tentei do jeito que pude, mas não consegui aprender grande coisa até o dia da prova. Quinta feira fui no médico e comecei a tomar os remédios. Mesmo assim, o médico disse que eu ainda teria direito a mais 3 dias de febre (o que significava que eu faria a prova com febre). Milagrosamente sexta acordei superbem disposto, saudavel e estudei o dia inteiro. Fiz a prova e tenho certeza que tirei uma nota razoavel (não boa, porque nota boa é pra que estudou direitinho).

Durante todo o tempo estive dependendo de Deus. Sou vadio e deixei pra estudar na ultima hora e, com a doença, estudei menos do que planejei. Sei que não merecia fazer uma nota ótima e, talvez por isso, Deus mesmo não me tenha permitido me sair super bem na prova.

Deus é um cara coerente. Não nos abençoa mais do que merecemos ou do que suportamos. Somos adeptos a moleza e se Deus fosse esse papai noel que algumas igrejas pregam (pregam?) seriamos os seres mais moles do mundo. Eu não suportaria tirar um 10 nessa prova de calculo sem estudar. Ficaria facil demais. Na proxima prova eu nao estudaria e esperaria que Deus me abencoasse pra tirar outro 10.

Apesar disso eu sempre dependo dEle. Se Ele pretende me ensinar alguma coisa me deixando doente, fico feliz. Se eu rodar na prova, talvez Ele tenha algum propósito. Ele é o regente desse sistema maluco onde todas as coisas se tramam e tudo que acontece, acontece por vontade dEle.

Fiquei doente e não pude reclamar porque andei de onibus e tive a possibilidade de olhar pras casinhas da ilha da pintada. Percebi que a dor que eu sentia na minha garganta era muuuuuuito inferior a dor que aquele gente sente periodicamente quando seus bairros enchem de agua e tudo que eles tem fica submerso. Ontem, depois que vomitei (sim, eu vomitei por causas não explicadas até agora), me senti feliz em ter comida suficiente pra comer de novo quando eu melhorasse, coisa que talvez aquela gente da ilha não tenha. Não digo que fique 'feliz' de passar por uma condição ruim, mas me sinto aliviado, agradecido a Deus e sentido por essa gente não ter as mesmas condições que eu.

Não sei se isso faz sentido pra alguém... Por causa da doenca e da prova de calculo não pude aparecer na ultima semana direito. A partir de hoje as coisas comecam a voltar ao normal =D

Paztejamos =DDD

Um comentário:

  1. Legal teu pensamento Jean, é muito bom mesmo refletirmos sobre isso, tem gente que reclama tanto da vida pensando que seu problema é o maior do mundo e se esquece de dar glórias a Deus porque existe gente em situação bem pior!melhoras pra você amigo
    Deus te abençõe

    ResponderExcluir

Dá um apoio moral pro blogueiro aqui.
Comenta aí ó: