Pesquisa neste blog =D

16.3.11

Hoje Passei o Dia Lesado, Mas Já Encontrei o Motivo

Putz, hoje eu fiquei mal, dor de cabeça e cansaço extremos. To digitando sem olhar muito pra tela e com o brilho do monitor no mínimo pra doer menos a cabeça. Aí, na minha passada diária por blogs, me deparei com isso:

Uso de dispositivos digitais pode causar fadiga cerebral 

Um estudo da Universidade da Califórnia, em São Francisco (EUA), mostrou que o uso constante ou excessivo de dispositivos digitais pode causar fadiga cerebral. No entendimento dos pesquisadores, os dispositivos móveis ocupam espaços de ociosidade importantes para a fixação, compreensão e criação de novas ideias. Observando o comportamento de ratos expostos a estímulos constantes, os pesquisadores perceberam que, quando os roedores passam por uma experiência nova, como explorar uma área desconhecida, seus cérebros mostram novos padrões de atividade. No entanto, o processamento das informações só ocorre quando há uma pausa para assimilação. “Quase com certeza, o tempo de inatividade deixa o cérebro repassar as experiências, solidificá-las e transformá-las em memórias permanentes em longo prazo”, diz Loren Frank, professor-assistente do departamento de fisiologia da universidade, onde se especializa em aprendizado e memória, segundo informa o New York Times.

Frank acredita que, exposto à constante estímulo, o cérebro “interrompe o processo de aprendizado”. Outro estudo, da Universidade de Michigan, descobriu que as pessoas aprendiam expressivamente melhor após uma caminhada na natureza do que em um ambiente urbano, o que sugeria que o bombardeio de informações deixa as pessoas em estado de fadiga.

(Portal Imprensa)

Nota: Conforme tenho dito em minhas palestras sobre a influência da mídia e sustento em meu livro Nos Bastidores da Mídia, não tenho dúvidas de que é plano do inimigo de Deus manter nossa mente constantemente sobrecarregada de estímulos a fim de que percamos a tão necessária capacidade de reflexão. Cada vez se torna mais difícil para as pessoas das novas gerações se concentrar em atividades que exijam profundidade de pensamento (como o estudo das profecias bíblicas, por exemplo). É a Síndrome do Pensamento Acelerado, como definiu o psicoterapeuta Augusto Cury. Assim, as palavras de Paulo em Romanos 12:2 não encontram aplicação na vida das pessoas superestimuladas. Há mais de um século, a escritora Ellen White já defendia o poder de uma boa caminhada e do contato com a natureza. Precisamos mais do que nunca – nestes tempos solenes – de uma mente vigorosa, capaz de discernir entre o certo e o errado. Precisamos tomar tempo para nos aquietar e saber que o Senhor é Deus (cf. Salmo 46:10).[MB]

Encontrei no Criacionismo.

E realmente, eu passo todos os momentos ociosos ouvindo radio nos fones de ouvido. Quando chego em casa, ao comer vejo tv, depois venho pro pc. Enfim, estou online o tempo todo. Isso deve ser o motivo das minhas dores de cabeça.

Pois bem. Paztejamos

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Dá um apoio moral pro blogueiro aqui.
Comenta aí ó: